Desafios dos coordenadores para os próximos três anos

11 de março de 2019

Dos 58 coordenadores, 37 assumem novos mandatos e 21 foram reeleitos (Foto: Viktor Braga)

Dos 58 coordenadores empossados, 37 assumem novos mandatos e outros 21 foram reeleitos. Em comum aos gestores que mais estão próximos dos discentes, desafios como atualização de currículos, ações de combate à evasão, curricularização da extensão e trabalho para melhorar a inclusão de estudantes com deficiência, entre outros.

O Prof. Roberto Cavalcante é um dos que assumem a coordenação pela primeira vez. À frente da coordenação do bacharelado em Física, pretende modernizar e atualizar o currículo do curso. “Espero tornar o curso de Física da UFC competitivo em nível nacional, formando alunos capazes de assumir os mais variados cargos em qualquer lugar do mundo”.

Além disso, o novo coordenador deve atuar na retenção de alunos no curso,diversificando ações de combate à evasão. Nesse sentido, planeja “expandir os horizontes dos alunos enquanto aos diversos setores de atuação no mercado, expondo uma possibilidade além da carreira acadêmica”.

Profª Erika Mota destaca a curricularização da extensão como um dos desafios para os coordenadores

Entre os professores que renovam seus mandatos, está a Profª Erika Mota, na licenciatura e bacharelado de Ciências Biológicas. Ela destaca como parte de seu planejamento apresentar novidades à curricularização da extensão e consolidar atividades integradoras, como palestras, oficinas, ateliês, rodas de conversa. “Ações que possam abarcar os temas importantes que não são plenamente abordados dentro dos componentes curriculares, solidificando uma formação mais ampla e diversa”, explicou.

Em outra faceta da busca dessa expansão de oportunidades para os alunos, a coordenadora do curso de Engenharia de Alimentos, Profª Andréa Cardoso, afirmou estar animada com mais um mandato. Uma de suas metas é aproximar mais o aluno com a universidade e com os professores, “recebendo todos os tipos de alunos, com mobilidade reduzida, deficiência visual, alunos com déficit de atenção e trabalhar formas de inclusão”.

Leia mais:
Coordenadores e vice-coordenadores de 58 cursos de graduação tomam posse

Veja também
Depoimento do Prof. Pablo Soares, coordenador do curso de Engenharia de Software – Russas (vídeo)
Depoimento da Profª Erika Mota, coordenadora do curso de Ciências Biológicas (vídeo)

Fonte: Divisão de Comunicação da PROGRAD – fone: 85 3366 94527 (Com UFCTV)